E O FUTURO, COMO SERÁ?

Trabalho com tecnologia e meu ex-professor e agora chefe da empresa onde estou é uma pessoa a qual admiro e respeito muito. Ele tem a cabeça voltada sempre para o futuro, para as tendências, e por isso é sempre reconhecido no Brasil e no mundo. Recentemente ele deu uma entrevista a revista Marie Claire onde fala como deveria ser um futuro da humanidade se escolhéssemos o caminho correto. Para a surpresa de muita gente, inclusive da repórter, ele afirma que no futuro que deveríamos ter, voltaremos a morar em vilas, a andar a pé pelo bairro e a ter tempo para nossos filhos e amigos. Poxa, que maravilha!!! Pelo menos pra mim, não existe nada melhor do que morar numa vila tranquila, ruas pequenas e conversar com os amigos na beira da calçada, é muito bom!! Mas note que ele falou "se escolher o caminho certo". 

"A fim de dar uma espiada no amanhã, fui ao encontro do futurólogo Silvio Meira, 53, pernambucano, doutor em ciência da computação pela University of Kent, Inglaterra, e consultor do Programa da ONU para desenvolvimento científico e tecnológico -entre muitas outras coisas. Numa terça-feira bem cedo, encontrei o cientista no saguão do moderníssimo hotel Unique, em São Paulo. Vestido como um universitário, barba por fazer, casado e pai de três filhos, o professor da Federal de Recife, muito intrigado com a aparência ancestral de meu gravador à pilha e fita cassete, começou a pintar uma imagem do futuro que, dependendo de algumas decisões que tomarmos hoje, poderá ser poética ou apocalíptica. Se optarmos pelo caminho certo, daqui a 30 anos, estaremos morando em vilas, passando mais tempo com nossos filhos e viajando apenas para fazer turismo. Se optarmos pelo caminho certo, em 30 anos, nós, mulheres, teremos conseguido, definitivamente, resolver a equação casa/família/realização profissional e não andaremos pelo mundo carregando as culpas de hoje e o sentimento de estar, todos os dias, em falta com alguma coisa. Se optarmos pelo caminho certo, a tecnologia virá nos libertar e não nos aprisionar. O mundo do futuro, segundo Silvio e apesar de evidências que indicam o contrário, será mais simples. Mas, para chegar lá, é essencial tomarmos, agora, as decisões certas e assumirmos responsabilidade por todas as nossas ações. Caso contrário, o amanhã simplesmente não existirá."
Mesmo se você não trabalha com tecnologia vale a pena ler a reportagem. Clique aqui

Não quero aqui tirar o crédito de Sílvio Meira pelas sábias palavras, mas simplicidade é uma das coisas que gosto de falar aqui no blog, então não é novidade pra nós nos lembrar que quem já nos deu essa "fórmula" de vida melhor foi Deus. Coisas simples! Deus nos mostra que pra sermos felizes não precisamos inventar muita coisa. Mesmo vivendo num mundo totalmente imerso na tecnologia, podemos sim desfrutar da beleza das pequenas coisas que Deus nos dá, basta olhar em volta! =) Espero que a humanidade realmente tome o rumo certo, não pelo lado da tecnologia, mas voltando-se para o lado de Deus, e como o próprio Jesus falou, "coisas maiores que estas véras" (João 1.50).

Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário? (Mt 6.25)

1 comentários:

Julyane disse...

A Paz irmão

Eu concordo plenamente que o futuro deveria ser assim mas devemos sempre viver pensando que pra onde vamos é bem melhor do que aqui né?! Que é morar no céu.

Postar um comentário