OS 10 MANDAMENTOS DO NAMORO

amoro é uma fase muito bonita. É definida como o ato de galantear, cortejar, procurar inspirar amor a alguém. O namoro cristão, tenha a idade que tiver, deve ser uma convivência afetiva preliminar que amadurece e prepara o casal para o compromisso mais profundo. O contrário disso, longe dos princípios de Deus, pode resultar em uma experiência nociva e traumática. Observe alguns princípios que ajudam a manter o seu namoro dentro do ponto de vista de Deus.

1. Não namore por lazer: namoro não é passatempo e o cristão consciente deve encarar o namoro como uma etapa importante e básica para um relacionamento duradouro e feliz. Casamentos sólidos decorrem de namoros bem ajustados.

2. Não se prenda em um jugo desigual (II Co 6:14-18): iniciar um namoro com alguém que não tem temor a Deus e não é uma nova criatura pode resultar em um casamento equivocado. E atenção: mesmo pessoas que freqüentam igrejas evangélicas podem não ser verdadeiros convertidos ou não levarem o relacionamento com Deus a sério.

3. Imponha limites no relacionamento: o namoro moderno, segundo o ponto de vista dos incrédulos, está deformado e nele intimidade sexual ou práticas que levam a uma intimidade cada vez maior são normais, mas o namoro do cristão não deve ser assim, o que nos leva ao próximo mandamento.

4. Diga não ao sexo: Deus criou o sexo para ser praticado entre duas pessoas que se amam e têm entre si um compromisso permanente. É uma bênção para ser desfrutada plenamente dentro do casamento; fora dele é impureza.

5. Promova o diálogo e a comunicação: conversar é essencial, estabeleça uma comunicação constante, franca e direta e não evite conversar sobre qualquer assunto.

6. Cultive o romantismo: a convivência a dois deve ser marcada por gentileza, cordialidade e romantismo. Isso não é cafona, nem é coisa do passado e traz brilho ao relacionamento.

7.
Mantenha a dignidade e o respeito: o namoro equilibrado tem um tratamento recíproco de dignidade, respeito e valorização. O respeito é imprescindível para um compromisso respeitoso e duradouro. Desrespeito é falta de amor.

8.
Pratique a fidelidade: infidelidade no namoro leva à infidelidade no casamento. Fidelidade é elemento imprescindível em qualquer tipo de relacionamento coerente à vontade de Deus, que abomina a leviandade.

9.
Assuma publicamente seu relacionamento: uma pessoa madura e coerente com a vontade de Deus não precisa e nem deve lutar contra seus sentimentos ou escondê-los.

10.
Forme um triângulo amoroso: namoro realmente cristão só é bom a três: o casal e Deus. Ele deve ser o centro e o objetivo do namoro.

Deixe Deus orientar e consolidar seu namoro. Viva integralmente as bênçãos que Deus tem para você através do namoro. E seja feliz.

9 comentários:

Tiago Brito disse...

OTIMO POST!!!

Anônimo disse...

Eu amei os Dez Mandamentos do Namoro!!!

Ricardo Figueirêdo disse...

meu, gostei disso, uma idéia é imprimir e entregar pros irmãos e irmãs solteiros.

Anônimo disse...

sinceramente - gostei mais acho que a parte referente ao sexo ...nao tem nada a ver ...

duvido que alguem ... ou ate mesmo quem escreveu tenha casado virgem... tb nao tem como nem provar afinal .. só deus sabe!!!

Anônimo disse...

Obrigada pela dicas

Anônimo disse...

acho td isso certo e q se alguem quizer ter um namoro duradouro e feliz vai seguir isso e tbm com DEUS no centro do namoro desde o inicio essa relação terminara em cazamento e vc vai ser feliz,claro se vc tiver com a pessoa q DEUS preparou para vc por isso ai vai um conselho ore antes de começar um namoro para vc ter certeza q ele(a)eh a pessoa certa

Táàh Da costa disse...

Nossa eu adorei . Concordo plenamente com tudo que esta escrito. Só assim eu casal de namorado pode chegar ao casamento sem qualquer complicação ii obtendo a máxima felicidade as bençãos do Senhor pra vida deles !

Anônimo disse...

Ameiii!! Era o que eu realmente precisava ler!!

Anônimo disse...

Parabens pela maioria dos comentarios. So fica meu desagrado como vcs interpretam a questão do sexo. Tudo evolui, inclusive o universo, incluindo Deus. Então, o sexo feito entre pessoas que se amam é bem vindo sim. Não precisa serem casados para tal. E não deve ser visto como um pecado!!!!!

Postar um comentário